<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=360133424683380&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

O vício em jogos de azar aumenta durante a pandemia

A Co Limerick center na Irlanda relatou que o número de pessoas que procuram ajuda para vícios em jogos de azar aumentou 50% devido à pandemia

new-zealand-tests-new-app-for-gambling-problems-900x600O número de jogadores que procuram ajuda profissional para jogos de azar no  Co Limerick center aumentou consideravelmente em 50% durante a pandemia. Diversas pessoas recuaram financeiramente devido ao vício excessivo causado por meses de isolamento.

A Co Limerick center na Irlanda relatou um aumento no número de casos de jogo problemático desde o início do COVID-19.

Um dos principais fatores que causam o aumento do interesse em jogos de azar é a ordem de ficar em casa, impedindo as pessoas de trabalharem e, portanto, elas acabam procurando "uma fuga" durante o lockdown. O Terapeuta em Vícios Michael Guerin do Addiction Treatment Centre na Irlanda argumenta que a pandemia exasperou os problemas de muitos jogadores devido aos intensos períodos de isolamento.

Michael Guerin expressou sua preocupação, trazendo à tona os sintomas de dependência provocados pelos consumidores:

Começa baixo, mas, passa para um número cada vez maior, até ficar fora de controle e eles se tornam viciados nisso. É a tempestade perfeita.

Curiosamente, Guerin observou que o aumento teve um impacto sobre as mulheres, pois mais mulheres mostraram sintomas de dependência e enfrentaram obstáculos financeiros.

As descobertas ecoam uma pesquisa publicada pelo The Lancet no início deste mês, destacando as preocupações sobre problemas de jogos de azar "urgentes, negligenciados e não estudados".

Fonte: Gambling News

Grupo SiGMA lança sua publicação mais recente

O SiGMA tem o orgulho de anunciar que a 13ª edição da revista SiGMA já está disponível online, aqui. A revista está repleta de conteúdo de qualidade, entrevistas e reportagens vindas de quatro continentes diferentes ao redor do mundo - incluindo Europa, Ásia, África e América Latina. A revista será distribuída por correio às principais empresas de jogos e negócios em todo o mundo. Se você deseja ser destaque na próxima edição, entre em contato com Katy Micallef.

Posts relacionados